blog

Categoria

Prime Ar Condicionado - Venda, Instalação e Assisténcia Técnica

Dicas

01/06/2021

Ar-condicionado no inverno: mitos e verdades sobre o uso

O ar-condicionado no inverno ameniza as temperaturas baixas, climatizando o ambiente e proporcionando conforto e bem estar.

Apesar disso, muitas pessoas ainda têm dúvidas sobre o aparelho, enquanto outras acreditam que o ar-condicionado no inverno faz mal à saúde.

Hoje estamos aqui para desvendar alguns mitos e verdades comuns e que podem nos confundir quando falamos de ar-condicionado quente e frio.

Ficou curioso? Então continue acompanhando o post. Vamos lá?

Ar-condicionado quente e frio é uma boa opção?

O ar-condicionado no inverno certamente é uma mão na roda para quem enfrenta temperaturas baixas nesta época do ano.

Apesar de morarmos em um país com clima predominantemente quente, algumas regiões são mais afetadas pelo frio intenso.

Nessas horas é interessante contar com um aparelho que proporciona um ambiente climatizado e mais confortável.

O ar-condicionado sempre foi motivo de dúvidas e dividiu opiniões. Muitas pessoas acreditam que ele pode fazer mal à saúde, enquanto outras não dispensam o uso do aparelho.

Não podemos negar que ele é mais comum no verão, mas o ar-condicionado no inverno vem ganhando espaço e mostrando que também é muito útil.

Com isso, surgiram novos mitos e suposições, trazendo ainda mais dúvidas para quem pretende adquirir um ar-condicionado quente e frio.

Para te ajudar, hoje vamos desvendar algumas questões sobre o assunto, explicando os mitos e verdades do ar-condicionado no inverno. Acompanhe.

Mitos e verdades sobre ar-condicionado no inverno

Enfim chegou o momento de esclarecer alguns fatos muito comentados sobre o uso do ar-condicionado no inverno.

Pretende adquirir um ar-condicionado quente e frio para ter a comodidade de aquecer e resfriar o ambiente como preferir?

Então você precisa conhecer estes fatos. Confira.

É o mesmo que usar um aquecedor

Este é o primeiro grande mito desta lista. O ar-condicionado quente e frio e o aquecedor são aparelhos diferentes com funções e objetivos diferentes.

O aquecedor, independente do modelo, concentra o calor em torno de si, não climatizando o ambiente por completo.

Por sua vez quem utiliza o ar-condicionado no inverno consegue distribuir o calor por todo o local.

Além do mais, o ar-condicionado quente e frio pode ser usado em todas as estações, ao contrário do aquecedor, que se torna mais um objeto guardado e sem utilidade durante o verão.

Reduz a umidade do ar

Sim, o ar-condicionado no inverno reduz a umidade do ar, o que pode ser uma vantagem nesta época do ano.

Muitas regiões que sofrem com as temperaturas baixas, contam também com um aumento da umidade neste período.

O clima úmido em excesso pode contribuir para a queda da imunidade e proliferação de vírus e bactérias causadores de doenças.

Além do mais, é comum que a umidade aumente a quantidade de mofo em casa. O ar-condicionado no inverno pode ser responsável por evitar e reduzir a aparição do mofo e inclusive de algumas doenças.

Ar-condicionado no inverno faz mal

Este provavelmente é um dos maiores mitos sobre o assunto. Há quem acredite que o uso do ar-condicionado no inverno faz mal à saúde, podendo causar gripes, resfriados entre outras patologias.

O que pode acontecer é que alguém se submeta à uma grande variação de temperatura por exemplo, podendo baixar a imunidade e assim ficar mais propício à contrair alguma doença.

Vale lembrar que o ar-condicionado não é causador de nenhuma doença.

Na realidade, o que acontece é justamente o contrário. O aparelho filtra o ar, ajudando a evitar alguns agentes causadores, como vírus e bactérias.

O ar-condicionado quente e frio custa mais caro?

Realmente, não podemos negar que o ar-condicionado quente e frio é mais caro que o modelo só frio.

Mas, por outro lado, a diferença de valores não é tão grande como muitas pessoas imaginam. Pensando nas vantagens que o aparelho pode oferecer, além de ter utilidade em todas as estações do ano, vale a pena considerar investir um pouco mais.

O modo quente consome mais energia

Quem diz que o utilizar o ar-condicionado no inverno faz consumir mais energia do que no verão está enganado.

É possível que isso aconteça, mas o fato não se dá por estar no modo quente, e sim pelo clima frio.

Quanto mais baixas forem as temperaturas, mais energia o aparelho irá consumir para conseguir aquecer o ambiente.

O mesmo acontece no verão, pois as altas temperaturas exigem que o ar-condicionado trabalhe mais e consuma mais energia para resfriar o local.