blog

Categoria

Prime Ar Condicionado - Venda, Instalação e Assisténcia Técnica

Dicas

18/05/2021

Ar-condicionado: dicas para economizar energia elétrica

Ar-condicionado consome muita energia elétrica. Se você já ouviu essa frase, saiba que ela não é verdadeira.

Para que você possa desfrutar do seu aparelho sem se preocupar com a conta de energia no final do mês, preste atenção aos seguintes pontos:

1. Tipos de ar-condicionado

Assim como outros equipamentos eletrônicos, existem diferentes tipos de ar-condicionado com variação de modelo e potência.

O mercado oferece modelos compactos, split (composto por unidades interna e externa), aparelhos com apenas uma unidade (como no caso do antigo modelo janela), ou ainda opções capazes de climatizar mais de um ambiente apenas com uma condensadora (multi split).

Como é possível perceber, existem modelos para diferentes necessidades. Porém, para que você não tenha gastos desnecessários, é recomendado ficar atento a algumas características, confira abaixo:

Ar-condicionado piso teto

Como o próprio nome sugere, esse modelo pode ser instalado tanto no piso como no teto. Ele oferece excelente desempenho e ótima eficiência energética.

O piso teto é indicado para médios e grandes espaços, como salas comerciais, restaurantes e escolas, e é uma ótima opção para quem deseja uma distribuição mais uniforme da temperatura ambiente.

Entre as vantagens do modelo estão: longo alcance de ventilação; flexibilidade de instalação; e eficiência energética.

Split hi-wall

Este é um dos modelos mais populares quando o assunto é ar-condicionado. É o tipo mais comum de split, ideal para residências e estabelecimentos comerciais de pequeno porte.

É possível encontrar opções com capacidade de 7.000 a 34.000 BTU.

Entre as vantagens do split hi-wall estão: instalação flexível, sem necessidade de dutos; preço acessível; design moderno; e menor consumo de energia (existem modelos que graças a sua tecnologia são capazes de economizar até 70% de energia).

Ar-condicionado cassete

O modelo possui um design discreto e é ideal para quem deseja economizar espaço, já que ele pode ser instalado diretamente no teto ou no forro.

O aparelho consegue resfriar o local de forma mais rápida e eficiente, por ter uma distribuição mais homogênea do ar. Além disso, o cassete possui como diferencial o fato de que realiza insuflamento em 360 graus, proporcionando assim, conforto térmico para todas as pessoas do ambiente.

O cassete é ideal para locais amplos com pé direito alto, salas comerciais, escritórios e residências.

Resumindo, entre as vantagens do cassete estão: distribuição de ar em 360 graus; design discreto; e baixo nível de ruído.

Duto

Opção de aparelho moderno e extremamente silencioso, possui uma das menores unidades evaporadora do mercado. Sendo assim, é perfeito para ambientes com pouco espaço interno.

Multi split

Com este aparelho de altíssima tecnologia, é possível climatizar mais de um ambiente apenas com uma unidade externa.

Você pode combinar de 2 a 5 unidades internas com modelos diferentes para cada ambiente.

O multi split é indicado para empresas com várias salas, residências amplas, comércios diversos, apartamentos e escritórios.

Entre as vantagens do modelo estão: economia de espaço com os condensadores; controle individual; instalação flexível; e baixo consumo de energia.

VRF

VRF, a sigla vem do inglês (variable refrigerant flow). É um dos sistemas mais avançados da atualidade, podemos operar vários equipamentos de forma simultânea;

Também conhecido como bomba de calor, o modelo é uma configuração do sistema multi split, em que há apenas uma unidade de condensação externa (condensador) interligada com várias unidades externas.

Por isso, ele é ideal para residências amplas, edifícios comerciais, pousadas; hotéis e campus universitário.

Entre as vantagens do aparelho destacam-se: economia de espaço com condensadores; conforto térmico consistente; baixo nível de ruído; ideal para longas distâncias; alta eficiência energética.

Tecnologia inverter

Para quem deseja economizar energia elétrica, além se atentar ao modelo, é preciso também certificar-se de que o equipamento conta com a tecnologia inverter.

Aparelhos com tecnologia inverter são capazes de manter a temperatura constante, diferentemente dos modelos convencionais nos quais a temperatura oscila.

Além disso, os equipamentos inverter:

- Evitam picos de energia;

- Possuem circuito inteligente para climatização;

- Conseguem atingir a temperatura desejada de maneira mais rápida;

- O jato de ar é contínuo e suave;

- Menor nível de ruído devido ao seu moderno sistema de operação;

- Alto custo-benefício;

- E refrigeração de qualidade.

A maior vantagem da tecnologia inverter é o fato de que com ela é possível economizar até 60% de energia elétrica, dependendo do modelo e marca.

Certificação do INMETRO

Você já deve ter reparado que aparelhos eletrônicos possuem uma etiqueta com a tabela do Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia (Inmetro). Basicamente, a tabela indica a eficiência do uso de energia elétrica.

Ao todo, são sete classes de eficiência energética (A a G). Aparelhos mais próximos da letra A são os mais econômicos e eficientes. Por isso, na hora de escolher o seu ar-condicionado, verifique o selo Inmetro.

Tabela de estimativa de consumo médio mensal

O site Procel disponibiliza uma tabela na qual é possível calcular o consumo médio de energia (KWh) de um equipamento de acordo com o seu hábito de uso.

Para o cálculo são considerados o tipo de aparelho eletrônico, o número de dias de uso por mês e a média de horas de utilização por dia