blog

Categoria

Prime Ar Condicionado - Venda, Instalação e Assisténcia Técnica

Dicas

05/02/2019

Quanto tempo dura o gás do ar-condicionado?

Item de fundamental importância para o funcionamento do ar-condicionado, o fluido tem a função de transformar o ar quente em frio. Assim, você sabia que pode ocorrer perda de eficiência do aparelho na refrigeração e que o gás do ar-condicionado é o grande ponto de atenção nesses casos?

Neste artigo, você vai entender o que são os fluidos refrigerantes, quais são os principais utilizados e como funcionam. Continue lendo e veja a importância da manutenção do aparelho para a duração do gás do ar-condicionado.

O fluido refrigerante

O fluido refrigerante tem a função de alterar o estado físico (gasoso ou líquido) no ciclo de refrigeração. É esse componente que permite ao aparelho de ar-condicionado climatizar o ambiente onde está instalado.

Essa substância é chamada de gás do ar-condicionado, pois para absorver a temperatura local e resfriá-la, sofre alteração da fase líquida para a gasosa. É dessa forma que o ar-condicionado funciona e refresca o ambiente.

Ao longo dos anos, vários fluidos refrigerantes foram testados, hoje a tendência é priorizar aqueles que causam menos impacto ao meio ambiente. Os mais antigos afetavam diretamente a camada de ozônio.

Atualmente, a maioria dos aparelhos faz uso de gases considerados ecológicos, pois não emitem clorofluorcarbono (emissão de CFC). Essa substância é extremamente tóxica para o meio ambiente e para os seres humanos.

Principais tipos de gases

R-22

Possui ótimo desempenho para produtos de baixa e média capacidade. A substância é incolor, mas inflamável. Em contato com a pele pode causar irritação e, se inalado, pode provocar asfixia.

O uso do gás para ar-condicionado R-22 está sendo reavaliado e substituído por muitas empresas, em vista do potencial nocivo ao meio ambiente e ao ser humano. O processo de alteração, no entanto, é lento e gradual. Por isso, muitos aparelhos ainda utilizam esse tipo de gás.

R-410A

Este fluido é ecológico e não emite clorofluorcarbono (CFC), capaz de danificar a camada de ozônio.  É um componente não tóxico e não inflamável, tornando-se uma opção ao mesmo tempo eficiente e segura.

R-407C

É também um gás ecológico, muito utilizado em aparelhos com tecnologia Split. Ele tem ótima eficácia e maior economia de energia. Os equipamentos que o utilizam podem custar até 30% a mais que os abastecidos com outros gases, mas essa diferença é facilmente recuperada com a economia na conta de luz.

Durabilidade do gás do ar-condicionado

Quando o aparelho de ar-condicionado tem uma instalação adequada e passa por manutenções periódicas, o fluido sofre apenas transformações físicas, não havendo perda em sua quantidade. Ou seja, ele não acaba.

O que pode ocorrer são vazamentos por causa dos cuidados com o aparelho e, com isso, perde-se a eficiência de climatização. Se o vazamento já acontece há muito tempo, o aparelho pode até mesmo parar de ligar.

Além de falhas na instalação, pode haver danos na tubulação e envelhecimento do sistema. Outra hipótese para que o gás acabe é que o aparelho pode ter vindo com quantidade insuficiente da fábrica.

Por isso, realizar manutenção preventiva no aparelho aumenta a vida útil, além de diminuir o consumo de energia elétrica. Se o fluido ficar aquém da necessidade, o desempenho será comprometido e o consumo energético vai ser muito maior. Como não há um componente universal, somente um técnico poderá avaliar a necessidade de troca do gás do ar-condicionado.