blog

Categoria

Prime Ar Condicionado - Venda, Instalação e Assisténcia Técnica

Economia

28/08/2018

Consumo de energia do ar-condicionado: saiba como economizar sem perder o conforto

Muitos consumidores consideram o ar-condicionado o vilão da conta de energia. Mas será que é mesmo justo fazer essa afirmação?

A verdade é que o aparelho de ar condicionado certo, que esteja bem dimensionado para um ambiente, instalado corretamente e utilizado de maneira adequada pode garantir seu conforto térmico ao mesmo tempo que não pesa na sua conta de energia.

Pensando em te ajudar a aumentar a eficiência do seu ar-condicionado, separamos abaixo algumas dicas para garantir que o consumo de energia dele seja o menor possível. Veja só:

1. Contrate um profissional capacitado para fazer a instalação

A instalação sempre deve ser feita da forma como indicada pelo fabricante. Uma instalação fora dos padrões pode sim afetar o consumo de energia do ar-condicionado, pois fará com que ele opere de maneira inadequada

Por isso, contrate um profissional capacitado para fazer instalação. Alguns aparelhos até usam como propaganda a facilidade de instalação, contudo, não é recomendável que você a faça sozinho em casa. Uma instalação feita corretamente favorece o funcionamento do aparelho.

2. Escolha o modelo adequado para seu ambiente

Existem alguns modelos de ar-condicionado e cada um será melhor para uma necessidade. Os três principais tipos de modelos são:

De janela: que são aqueles aparelhos tradicionais, cuja parte traseira fica para fora do ambiente. Como essa é uma tecnologia mais antiga, esses aparelhos são mais baratos, contudo fazem muito ruído e podem consumir mais energia;

Portátil: os aparelhos portáteis são indicados para quem não pode fazer alterações na estrutura do imóvel. É possível encontrar aparelhos de diversas potências e você tem a facilidade de poder levá-lo de um ambiente a outro;

Split: esses modelos são o que há de mais novo no mercado. Sua instalação é feita em duas partes, uma para dentro do ambiente que efetivamente joga o ar frio, e outra com o motor que regula a temperatura do ar instalada na parte externa. Isso diminui o ruído. Além disso, por serem construídos com uma tecnologia mais recente, os Split possuem maior eficiência energética, principalmente quando falamos dos modelos Inverter, que possuem funcionalidade especial para otimizar o consumo do aparelho.

3. Dimensione a carga térmica correta para reduzir o consumo de energia do ar-condicionado

Os aparelhos de ar-condicionado podem vir em diversas capacidades. A potência de um ar-condicionado representa a capacidade dele de transformar o ar quente em frio por segundo e é medida em BTUs.

Sempre que pesquisar um aparelho, você vai encontrar junto a informação de quantos BTUs ele possui. Isso é importante para que você dimensione corretamente a capacidade que atenderá melhor o seu ambiente.

Se você escolhe um ar-condicionado com capacidade mais baixa do que deveria, há chances de que ele não consiga esfriar ou aquecer o ambiente adequadamente e acabe sobrecarregado, gastando mais energia. Por outro lado, se você super dimensiona a potência e adquiri um aparelho de maior capacidade, ele também consumirá mais sem que isso seja necessário.

Por isso, use nossa calculadora de BTUs para saber qual a quantidade ideal para o aparelho de ar-condicionado do seu ambiente e fazer a escolha certa.

4. Siga as melhores recomendações de uso

Com seu aparelho devidamente dimensionado e instalado, ainda há algumas ações aparentemente pequenas que podem ajudar a tirar o melhor do consumo de energia do aparelho. São elas:

Não ligue e desligue o aparelho com frequência. Algumas pessoas acham que devem sempre desligar o ar-condicionado quando sair com um ambiente. Isso é até recomendável, contanto que você não precise ligá-lo novamente nos próximos minutos, o que pode fazer com que ele consuma ainda mais energia;

Não coloque uma temperatura muito baixa para resfriar mais baixo. Há um mito de que colocar a temperatura logo no 17º ajuda a resfriar o ambiente mais rápido. Contudo, isso só faz com o que o ar-condicionado trabalhe mais e consuma mais energia;

Mantenha os filtros limpos. A limpeza do ar-condicionado deve ser regular para garantir seu funcionamento em perfeitas condições.

Seguindo essas dicas para melhor o consumo de energia do ar-condicionado, suas preocupações poderão passar longe da próxima conta de luz que estiver para chegar.